segunda-feira, 27 de junho de 2011

COMPRAS: A verdade sobre pérolas, rubis e esmeraldas na India

by carlos trindade
Muitas pessoas perguntam pra mim se as pérolas, rubis e esmeraldas são realmente verdadeiras ou imitações, cultivadas ou naturais, sintetizadas ou naturais...e  aqui vão algumas informações e verdades que podem nos ajudar a entender os preços, tipos e qualidade de pedras preciosas aqui em outras localidades.



  1. Pérolas são verdadeiras ? Sim, as pérolas oferecidas mesmo em lugares populares são verdadeiras na sua grande maioria. Eles fazem questão de demonstrar raspando ou queimando elas com um isqueiro. 
  2. As pérolas são cultivadas ou naturais ? Aproximadamente 95% de todas as pérolas comercializadas no mundo hoje são cultivadas, ou seja, há uma intervenção humana que coloca uma pequena pedrinha bem redonda dentro de cada ostra e esta vai depositando as camadas do material e aumentando de tamanho até ficar do tamanho comercializável. As naturais acontecem quando um micro-organismo, pedaço minúsculo de objeto estranho entra dentro de uma ostra e ela reage contra o objeto estranho depositando as camadas que o transformam em uma pérola. Apenas especialistas podem ver a diferença usando um Raio-X, pois podem ver o micro-corpo estranho que deu origem à pérola. Alguns dizem que especialistas muito capacitados podem ver a diferença pela cor ou textura. O que acontece é que a espécie de ostra mais comum e fácil de cultivar e manipular, produz as pérolas mais brancas, pérolas negras e acinzentadas, e por isto elas são mais comuns. É consideravelmente raro encontrar uma pérola natural de forma perfeitamente arredondada, pois o corpo estranho que a originou é quase sempre disforme. Considerando que na cultivada, o objeto colocado na ostra é feito por mãos humanas, basta colocar um objeto bem redondo dentro das ostras. 
  3. Os rubis e esmeraldas são verdadeiros ?  Quando se fala de rubis e esmeraldas em jóias de preço acessível, usa-se pedras brutas (sem nenhum tratamento) e de menor qualidade. A quantidade dessas pedras é bem maior quando comparada a quantidade de pedras de qualidade, passíveis de serem tradadas. Existem em todo o mundo, um mercado enorme de rubis e esmeraldas sintetizadas em laboratório e não sei dizer se elas são usadas aqui em Hyderabad. É comum também o uso dos garnets (pedras Granada) como se fossem rubis. Até o ano de 1800, os garnets eram considerados rubis. Depois foram verificadas as diferenças geológicas e químicas e os garnets foram considerados um outro tipo de gema.
  4. E o ouro e prata ?  Existem diversas jóias de prata pura ou folhadas, e ouro também. Eles costumam falar a verdade quando questionados se são puras ou folhadas.
  5. E a Pérola do Taití ? Por que é tão mais cara ?  Existentes aqui também na India, as pérolas do Taití (Tahiti Pearls) não são necessariamente do Taiti, mas é proveniente de espécie de ostra muito grande, mais rara, que gera pérolas de maior tamanho e qualidade. A maioria também é cultivada e não natural, entretanto o cultivo desta ostra é bem mais difícil e custosa.
  6. Por que tudo é tão bem mais barato na India ?   Sobre pérolas, a Índia produz toneladas de pérolas todos os anos, e por isso o preço é bem mais baixo. Rubis e Esmeraldas também são encontrados em abundância por aqui, em especial as de menor qualidade. A preço da mão de obra dos artesãos, ourives e joalheiros é muito inferior ao Brasil, por exemplo. 

Nenhum comentário: